O que são postes de madeira tratada e para que servem

Os postes de madeira tratada são cada vez mais uma solução adotada para a fixação de vedações, não só pela relação qualidade/preço e durabilidade, mas porque do ponto de vista ambiental são uma opção sustentável, uma vez que estas madeiras provêm do desbaste de áreas reflorestadas.

Quais as principais vantagens dos postes de madeira tratada
 
A madeira tratada é submetida a tratamentos químicos internos e externos, que lhe conferem uma maior durabilidade.

O processo de tratamento de madeira pode ser um pouco demorado, pois além do tratamento químico existe ainda a necessidade de secar a mesma de forma a reduzir o teor de humidade presente.

Por exemplo, um poste de madeira de pinho sem qualquer tratamento tem um período de duração de aproximadamente 3 anos. É através do processo de tratamento químico em autoclave que se prolonga a vida do mesmo.

De forma simples podemos dizer que existem inúmeras vantagens associadas aos postes de madeira tratada, sendo as mais comuns as seguintes:

  • Maior durabilidade (uma vez que está protegida contra diversos fatores como fungos e condições climatéricas);
  • Relação custo/benefício;
  • Diversas aplicabilidades;
  • Maior resistência;
  • Manutenção mais simples e eficaz;
  • Traduz um menor impacto ambiental (já que na sua maioria estas madeiras advêm de áreas reflorestadas).

Diferentes tipos de madeira tratada

É importante salientar que são imensas as utilizações que pode dar aos postes de madeira tratada. Os mesmos podem ser usadas na construção de vedações, construção civil, mourões, postes de eletricidade, entre outras construções.

No entanto, é ainda importante referir que existem essencialmente dois tipos de madeira tratada: em tosco e torneada, sendo que cada uma têm diferentes aplicabilidades.

1 – Madeira em tosco
As madeiras em tosco resultam da primeira transformação da madeira de pinho, não sofrendo mais nenhum tipo de modificação. Esta madeira é tratada através de um processo de impregnação em autoclave por vácuo e pressão, com a classe de tratamento mais elevada.

Por norma, esta madeira é muito utilizada para vedações agrícolas, parques, jardins, zonas florestais e para efetuar construções no exterior.

2 – Madeira torneada
A madeira torneada é aquela cujo aspeto é cilíndrico, ou seja, têm aquela forma arredondada perfeita que é comum ser vista em cercas, muros, vedações residenciais ou mesmo jardins urbanos. O procedimento de tratamento é igual ao da madeira em tosco, ou seja, através do processo de impregnação em autoclave.

Agora que já conhece o nosso modo de preparar e tratar a madeira  e quais as suas principais vantagens e utilizações, pondere esta opção como forma de poupar dinheiro e melhorar a resistência das suas construções.

Se necessitar, solicite-nos um esclarecimento.